Inteligência artificial e Pix: como o BC pretende implementar?

Inteligência artificial e Pix: como o BC pretende implementar?

O Pix, sistema de transferência instantânea do brasileiro, está em pleno funcionamento há 3 anos. Desde o seu nascimento, o método de pagamento ganhou o coração dos brasileiros por se mostrar completamente seguro, funcional, rápido e eficiente. Não há quem não se encante com o Pix, que hoje já é o número 1 em transferências e se posiciona no pódio também quando o assunto é pagamentos.

Aceito em todos os lugares, incluindo pequenas mercearias ou até grandes cassinos que pagam via Pix, a transferência instantânea hoje faz parte da rotina diária de mais de 77% dos brasileiros maiores de 18 anos. Esta é uma realidade que não se pode negar que existe. Sendo assim, tanto o Banco Central quanto demais bancos quebram a cabeça com o intuito de descobrir novas funcionalidades para o sistema.

Atualmente, já há uma série de melhorias, mas o assunto do momento é mesmo o uso da inteligência artificial combinada com o Pix. E você sabe mesmo o que é IA? Vamos começar por aí.

O que é a Inteligência Artificial

A inteligência artificial é uma ciência desenvolvida com o intuito de “imitar” a inteligência humana. Ela esboça um “pensamento” mecânico que tenta agir e pensar como nós, facilitando a vida de todos e automatizando muitos serviços que poderiam dar algum certo trabalho, mas que facilmente podem ser substituídos pela mão-de-obra da máquina.

A IA, aliada a bons serviços, tende a trazer uma série de benefícios para os usuários. Desde atividades mais simples, como substituir um atendimento ao consumidor com um arquivo de respostas pronto (os famosos chatbots), até mesmo passando por soluções financeiras, que é o que veremos agora.

A inteligência artificial pode facilitar a vida de todos, trazendo simplicidade e muita facilidade, além de poupar esforços desnecessários que são facilmente substituídos por uma série de otimizações e automações. Conheçamos, então, algumas das possíveis utilizações mediante ao Pix.

Como o Pix pode ser beneficiado pela IA

Entre ideias, pensamentos e aplicações, muito se fala sobre a otimização do Pix por meio da inteligência artificial. Apesar de muita gente acreditar que ele já é perfeito e otimizado ao máximo, existem diversos usos nos quais podemos considerar a IA e ver um crescimento ainda maior dos benefícios do Pix. Descubra alguns deles:

Melhoria na educação financeira

Segundo o Banco Central, um dos grandes problemas atuais do brasileiro é a educação financeira. Apesar de ser necessário um bom investimento em educação para que isso se resolva de ver, podemos também ver alguma movimentação com relação à IA para fazer alguns movimentos “forçados” em direção a este conteúdo educacional. Usar a inteligência artificial para mostrar este caminho é um golpe de mestre, que facilita o acesso de todos e melhora os resultados sociais gerais.

Confirmação das transferências

Alguns bancos, como é o caso do Bradesco, tentam fazer algumas movimentações relacionadas a IA para conferência de transferências. Especificamente no assunto confirmação, já há o auxílio da Bia, um chatbot que faz contato com o usuário sempre que alguma transferência suspeita é concretizada. Através dela, é possível conferir e confirmar (ou não) se aquela transação está correta, foi um erro ou mesmo um golpe.

Transferência pelo Whatsapp

Além da confirmação, também é possível fazer a transferência propriamente dita por Whatsapp. A assistente Bia segue tomando a frente dos serviços que são, novamente, oferecidos pelo banco Bradesco. A ideia aqui é conseguir fazer a movimentação apenas confirmando os dados mais importantes e, assim, otimizar o tempo do usuário.

Segurança

Diante de tanta sofisticação, quem mais sai ganhando é a segurança das transações. Elas passam a ser confirmadas com muito mais garantias, além de utilizarem senhas e reconhecimento facial para a certeza de que realmente aquela operação deve ser concretizada. São diversas maneiras de garantir que o usuário e seu dinheiro estarão a salvo, e todas pensadas de forma que a IA tome conta de tudo sem necessidade de intervenções humanas. Ao menos não muitas.

Como o Banco Central se posiciona diante da inteligência artificial

Para o BC, a implantação de IA nos serviços oferecidos via Pix é uma opção bastante interessante. A ideia principal é que o serviço, que já se mostra muito importante e eficiente, se torne ainda mais importante para o brasileiro.

A expectativa é que a segurança seja muito fortalecida com a troca que a inteligência artificial entrega, o que é realmente uma preocupação para o Banco Central que vê o número de suas transações aumentar de forma exponencial. A ideia é que a IA consiga identificar atividades suspeitas e interceptar fraudes em tempo real, fazendo com que o sistema fique realmente à prova de circunstâncias fraudulentas.

Uma outra expectativa do BC é o levantamento de dados que a inteligência artificial é capaz de fazer. Coletar informações é um movimento muito importante, pois é a partir disso que fica possível compreender as tendências do que está acontecendo e, então, fazer as devidas melhorias necessárias.

O futuro da união do Pix com a IA

A ideia, ao unir Pix e inteligência artificial, é transformar o que já é bom em algo verdadeiramente surpreendente, afinal, temos em mãos a agilidade de uma transferência instantânea com toda a potência e um sistema de inteligência inigualável. O resultado deste casamento só pode ser algo verdadeiramente intenso, cheio de segurança, rapidez e uma série de conveniências.

A incorporação da IA na linha de desenvolvimento do Pix deve ser pensada com responsabilidade, e lembrando sempre que não há desculpas para suprimir a segurança, portanto, ela deverá vir em primeiro lugar. Na prática, já observamos exatamente este tipo de movimentação: as evoluções acontecem no sentido de melhorar a proteção dos usuários, ou então andam de mãos dadas com este tipo de consideração, afinal, não se deve dispensar a cautela em detrimento de nenhum outro recurso que possa ser adicionado ao serviço.

Unir o Pix com a IA significa abrir portas para um caminho novo, muito mais moderno e repleto de novas possibilidades. Significa que o Brasil está prestes a ver uma revolução ainda maior nos seus métodos de pagamento, e que isso tudo deve ocorrer de forma segura e muito eficiente.

Perguntas frequentes

Como a IA pode tornar o PIX ainda melhor?

A integração de tecnologias de IA no framework do PIX pode resultar em um sistema de pagamento mais seguro, eficiente e amigável ao usuário. A IA pode detectar fraudes de maneira muito eficiente, gerenciar riscos e aprimorar continuamente os sistemas.

Uma ferramenta de IA pode tornar o PIX ainda mais rápido?

Sim, a IA pode tornar os pagamentos do PIX ainda mais rápidos. Não sabemos ao certo como, pois o lançamento do PIX Automático ocorrerá em 2024 e saberemos mais a respeito.

Muitas coisas mudarão no PIX em 2024?

O PIX é constantemente aprimorado, mas a forma como você o utiliza não muda. Ele continuará a ser simples.

Qual é o objetivo do PIX?

Ela tem vários objetivos declarados em seu site, mas um deles é reduzir o uso de dinheiro e promover uma maior digitalização dos meios de pagamento.

Com uma paixão por jogos de cassino e um profundo conhecimento do método de pagamento Pix, Daniel Barreto é o nosso especialista de confiança. Sua experiência na indústria de cassinos e sua expertise em Pix garantem que você obtenha informações valiosas para aprimorar sua experiência de jogo e simplificar suas transações financeiras.